Conecte-se conosco

Brasil

Jean Wyllis diz que se filia ao PT por Lula ser o único capaz de derrotar Bolsonaro

Publicado

em

Voiced by Amazon Polly

O ex-deputado Jean Wyllys filia-se ao Partido dos Trabalhadores (PT) para fazer campanha por Lula, considerando-o o “único capaz de derrotar o Governo fascista de Bolsonaro”.

Exilado na Europa há dois após sofrer ameaças de morte no Brasil, Wyllys decidiu agora fazer uma mudança política, deixando o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), que integrou por mais de 10 anos, para se juntar ao PT, e, assim, “poder fazer uma campanha livre” a favor do ex-Presidente Lula da Silva em 2022.

“O que me levou a deixar o PSOL e filiar-me ao PT foi o simples fato de Lula ter os seus direitos políticos devolvidos (…). Ele reacendeu uma chama de esperança no povo brasileiro e passou a figurar como o único candidato capaz de derrotar esse Governo fascista de Bolsonaro. Lula é a única pessoa capaz de derrotar esse fascismo mal disfarçado de democracia”, disse Wyllys, em entrevista à agência Lusa.

Já em matéria do Correio Brasiliense de hoje 25, Wyllys disse que preferiu mudar de sigla em vez de se envolver em uma disputa interna para convencer a ala que é contra a aliança. Ele classificou a oposição a Lula dentro do PSOL como “complexo de Édipo” – referência à rivalidade emocional com a figura paterna, na psicanálise -, lembrou que já estava afastado da discussão interna no partido e justificou que a mudança não ocorreu antes para não constranger a sigla.

O ex-deputado disse ainda que aposta na candidatura de Lula à Presidência. “Quero liberdade plena para fazer desde já o que eu acho certo e melhor para o País”, escreveu o ex-deputado ao Estadão, em entrevista por e-mail.

“Eu tenho confiança em que os melhores quadros do PSOL vão conseguir, mas eu não tenho vontade de participar dessa luta interna, que é muito desgastante. Disse Wyllys na resposta ao Estadão.

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Brasil

Eduardo Bolsonaro diz que contraiu Covid

Publicado

em

Por

Voiced by Amazon Polly

Integrante da comitiva presidencial em NY, Eduardo Bolsonaro diz que contraiu Covid.

Deputado e filho do presidente Jair Bolsonaro fez anúncio em rede social. Há três dias, ministro Marcelo Queiroga (Saúde) constatou que também tem a doença e ficou em quarentena nos EUA.

O deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), filho do presidente Jair Bolsonaro, disse nesta sexta-feira (24) numa rede social que está com Covid.

Ele estava na comitiva do governo que foi no início da semana a Nova York, onde o presidente Jair Bolsonaro participou da Assembleia Geral das Nações Unidas. Há três dias, outro integrante da comitiva teve resultado positivo em teste de Covid: o ministro da Saúde Marcelo Queiroga. De acordo com apuração da TV Globo, antes de Queiroga, um diplomata da comitiva foi diagnosticado com Covid. O governo não confirma a informação nem revela o nome do servidor.

Continue lendo

Copyright © 2021 DiBahia CNPJ: 41.275.067/0001-16