Conecte-se conosco

Sociedade

Morre atriz Camilla Amado, aos 82 anos

Publicado

em

Voiced by Amazon Polly

Veterana começou a carreira em 1969, na TV Tupi, e participou de diversos trabalhos na televisão. Causa de óbito não foi divulgada.

Camilla Amado morreu neste domingo (6), aos 82 anos de idade, no Rio de Janeiro. A atriz começou a carreira em 1969, na extinta TV Tupi, e participou de diversos trabalhos na televisão. A informação foi confirmada por Stepan Nercessian, com que a artista foi casada por 14 anos. A causa da morte, no entanto, ainda não foi divulgada. 

“Camilla Amado. Artista, Mãe, Mestra. Nós vivemos juntos, brincamos juntos, sorrimos e choramos juntos. Estará sempre junta ao meu coração. Te Amo”, escreveu Nercessian, no Instagram, em legenda de foto com a ex-mulher e os filhos do então casal. 

A atriz nasceu em 7 de agosto de 1938, no Rio de Janeiro. Ela começou a carreira artística, em 1969, na novela Um Gosto Amargo de Festa (TV Tupi). Ao todo, a veterana acumulou quase 40 participações em novelas, programas de humor e séries. 

Em entrevista ao Estadão em setembro de 1998, aos 60 anos, a atriz refletia sobre a vida: “É claro que eu preferia estar fazendo 30 anos, mas tenho preguiça de ser tão inexperiente de novo”. Ela chegou a ser premiada como melhor atriz coadjuvante no IV Festival de Cinema de Gramado, em janeiro de 1976, pela atuação em O Casamento, de Arnaldo Jabor, inspirado na obra de Nelson Rodrigues.

Entre os trabalhos de destaque na TV Globo estão produções como Chico Anysio Show (1982), A Casa das Sete Mulheres (2003), Sítio do Picapau Amarelo (2006), Tapas & Beijos (2014) e Éramos Seis (2019). Na Record TV, ela participou dos sucessos Jesus (2018) e Topíssima (2019). 

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Sociedade

Disputa pela marca Legião Urbana acontece nesta terça 22

Publicado

em

Por

Voiced by Amazon Polly

 O STJ Superior Tribunal de Justiça retoma nesta terça 22 o julgamento do uso da marca Legião Urbana. o imbróglio judicial envolve Marcelo bonfá é dado villa-lobos integrantes da banda contra a empresa Legião Urbana Produções administrada por Giuliano Manfredini filho de Renato Russo.

Na manhã de hoje o cantor André Frateschi fez um post em seu Instagram em solidariedade aos integrantes e fãs da banda.é ” hoje tem o fechamento desse julgamento que vai decidir se Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá são eles mesmos; não há outra possibilidade estamos juntos escrever Frateschi que ocupou os vocais na banda nas recentes turnês com os integrantes da legião originais. Dado Villa-Lobos republicou em seu perfil tanto no perfil de Frateschi; fãs da banda deixaram mensagens de apoio ao grupo.

Continue lendo

Copyright © 2021 DiBahia CNPJ: 41.275.067/0001-16