Conecte-se conosco

Sociedade

Juliana Paes rebate críticas e se defende afirmando: ‘Não sou bolsominion’

Publicado

em

Voiced by Amazon Polly

Juliana Paes resolveu fazer um longo vídeo para explicar seu posicionamento político. A atriz, que havia defendido a médica Nise Yamaguchi durante a CPI da Covid, foi às redes sociais para falar como se sente em relação ao atual governo e pedir respeito “por ser quem é”. 

‘Não sou bolsominion’

“Eu já falei publicamente sobre querer vacinas, mas não vou fazer isso todos os dias. Agora eu não me sinto no direito de pedir às pessoas para não trabalhar. Nós estamos vivendo um dos momentos mais nebulosos da história mundial: ou você morre de fome ou você morre de vírus. Eu não sou bolsominion, como adora criticar quem não me conhece de perto.

Eu tenho críticas severa a esse que nos governa. Por outro lado, eu tampouco quero que governe essa oposição que se insinua para o futuro. Eu estou em um ambiente que não me sinto representada por ninguém. Eu não apoio os ideais arrogantes de extrema esquerda, não apoio delírios comunistas da extrema esquerda”, disse Juliana em resposta a críticas de uma colega, que não foi citada. A atriz também tentou explicar suas fotos em clima leve e a rotina divertida que mostra em suas redes sociais no dia a dia. Segundo Juliana, ela não se sente confortável para mostrar outro comportamento ao público. “Foto em rede social não é representação da realidade”, completou. 

This error message is only visible to WordPress admins

Error: No connected account.

Please go to the Instagram Feed settings page to connect an account.

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Sociedade

Pastora arruma segunda esposa para marido pastor após revelação

Publicado

em

Por

Pastores Éden Asvolinsque e Fernanda Asvolinsque e nova esposa
Voiced by Amazon Polly

De posse dessa ‘promessa mortal’, a pastora já arrumou a sua substituta para se casar com o seu esposo pastor.

A pastora Fernanda Asvolinsque, de 43 anos, que lidera com o seu esposo, o pastor Éden Asvolinsque, a Igreja Juventude de Cristo em Barra Mansa (RJ), desta vez foi longe demais.

O casal está sendo alvo de muitas críticas desde que a pastora arrumou uma jovem para ser a segunda esposa do seu marido.

A justificativa da religiosa é que, em novembro de 2020, ela recebeu uma revelação de Deus, de que está sendo preparada para ser ‘colhida’ da terra em 2021, ou seja, vai morrer esse ano.

De posse dessa ‘promessa mortal’, a pastora já arrumou a sua substituta para se casar com o pastor, quando ela for para o plano espiritual.

Fernanda afirma que está muito doente, mas que não irá ao médico, porque a vontade de Deus é de que ela morra esse ano.

“Deus disse a mim desde novembro, que está me preparando, porque Ele vai me colher nesse ano. Eu tô com paz na minha alma, estou bem resolvida em relação a tudo isso… Agora era o momento de vocês blindarem o pastor, blindarem a minha casa, blindarem a minha família, blindarem a igreja… Eu ouvi, eu sei o que Deus falou pra mim”, disse a pastora.

As declarações da pastora geraram polêmica no meio evangélico, e muitos acreditam, inclusive, que tudo não passa de uma armação do casal que, supostamente, curte um relacionamento a três. Ou que até mesmo estão separados, mas não querem tornar público, para não perder os fiéis e seus dízimos.

Após muitas críticas e insinuações contra o casal de pastores, que agora é um trisal, a pastora Fernanda desabafou nos Stories do seu Instagram.

Veja o vídeo na integra.

Continue lendo

Copyright © 2021 DiBahia CNPJ: 41.275.067/0001-16