Conecte-se conosco

Bahia

Qualidade de vida dos catadores do antigo lixão em Eunápolis é tema de encontro entre vereadores e secretário de Meio Ambiente

Publicado

em

Voiced by Amazon Polly

O presidente da Câmara de Vereadores de Eunápolis, Jorge Máecio (PP), reuniu-se na manhã desta quarta-feira (26/05) com o secretário municipal de Meio Ambiente, Flamarion Mattos, para tratar da segurança dos catadores de material reciclável e de suas famílias diante da criação do Aterro Sanitário Municipal e a consequente desativação do lixão, no Bairro do Alecrim.


Estiveram presentes também os vereadores Adriano Cardoso (Solidariedade), Francis Gabriel (PTC), Fábio Arruda (PSC) e Marcos Oliveira Costa (PDT). O grupo de parlamentares está acompanhando as etapas do acolhimento aos catadores que ficavam no antigo lixão.


Os parlamentares querem conhecer as condições dos catadores que trabalharão no aterro e no Galpão, para que não estejam expostos à contaminação e a acidentes de trabalho e para que utilizem Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) suficientes e adequados e que não fiquem em situação de insalubridade.


O secretário de Meio Ambiente reafirmou o compromisso da gestão que prometeu ceder um Galpão para os catadores de materiais recicláveis. Flamarion acrescentou que “o Galpão oportunizará a todas as cooperativas realizarem o processo de seleção de material para comercialização”.


Uma comitiva de vereadores deve visitar o Aterro Sanitário com o objetivo de ver as condições do local e acompanhar as etapas de separação do lixo reciclável, a estrutura da deposição final dos materiais descartáveis, chorume e gás metano produzido e também sobre o fim de pilhas, baterias e lâmpadas, que devem ser recolhidas por quem comercializa estes produtos.

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Bahia

Agnelo Santos é reconduzido ao cargo de prefeito de Santa Cruz Cabrália

Publicado

em

Por

Voiced by Amazon Polly

O desembargador Federal Ney Bello concedeu habeas corpus que reconduziu Agnelo Santos ao cargo de  prefeito dizendo que “verifica que inexistem neste momento condições de manutenção da medida cautelar de afastamento ao cargo público no caso de Prefeito Municipal em face à ausência da contemporaneidade pois o delito em apuração segundo noticiam os autos foi cometido há mais de 3 anos e conforme reconhecido por esta corte se deu antes da posse no mandato em 1º de Janeiro de 2018” informou o desembargador. 

Ele ainda justifica na sua decisão expedida hoje que “não é de todo razoável manter o prefeito eleito democraticamente afastado do exercício do seu mandato”.

A cerimônia de recondução será na manhã desta quinta-feira 25. 

Continue lendo

Copyright © 2021 DiBahia CNPJ: 41.275.067/0001-16