Conecte-se conosco

Bahia

Cipó: Em protesto contra sujeira prefeito joga lixo em pontos da cidade

Publicado

em

Voiced by Amazon Polly

O prefeito de Cipó, Marquinhos do Itapicuru (PDT), despejou uma caçamba de lixo em um terreno que estava sendo usado pelos moradores da cidade como ponto de armazenamento de lixo. O fato aconteceu na última sexta-feira (21).

Segundo o gestor, o ato aconteceu em forma de “protesto” contra os moradores que jogam lixo em locais indevidos ou descartam os dejetos em horários distantes da coleta realizada pela prefeitura.

“Eu venho pedindo as pessoas que deixem as casas limpas e eu peço a colaboração de todos. Eu avisei há poucos dias que eu quero deixar a cidade limpa, bonita e organizada. Quem quiser a casa limpa, vai ser limpa, agora quem quiser lixo na sua porta, vai ter lixo”, disse o prefeito, em vídeo postado nos stories do Instagram (veja abaixo).

Num outro momento, também na mesma rede social, ele clamou aos moradores para haver higiene na cidade. “Cipó é uma cidade pobre, uma cidade com 18 mil habitantes e tem gastado muito com a questão da limpeza pública. Eu não posso pegar o lixo da minha casa e colocar a hora que eu quiser na rua, porque isso causa danos, traz doenças, esse lixo quando o cachorro rasga é espalhado, quando chove cai nos bueiros”, relatou.


Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Bahia

Agnelo Santos é reconduzido ao cargo de prefeito de Santa Cruz Cabrália

Publicado

em

Por

Voiced by Amazon Polly

O desembargador Federal Ney Bello concedeu habeas corpus que reconduziu Agnelo Santos ao cargo de  prefeito dizendo que “verifica que inexistem neste momento condições de manutenção da medida cautelar de afastamento ao cargo público no caso de Prefeito Municipal em face à ausência da contemporaneidade pois o delito em apuração segundo noticiam os autos foi cometido há mais de 3 anos e conforme reconhecido por esta corte se deu antes da posse no mandato em 1º de Janeiro de 2018” informou o desembargador. 

Ele ainda justifica na sua decisão expedida hoje que “não é de todo razoável manter o prefeito eleito democraticamente afastado do exercício do seu mandato”.

A cerimônia de recondução será na manhã desta quinta-feira 25. 

Continue lendo

Copyright © 2021 DiBahia CNPJ: 41.275.067/0001-16