Conecte-se conosco

Sociedade

Os aspectos astrológicos para o período de 27 de abril à 2 de maio

Publicado

em

A lua inicia a semana na fase Cheia no dia 27 de abril às 00h32 no signo de Escorpião com o Sol em Touro.

Com isso aspectos mais introspetivos vem a tona, atenção com os nervos essa semana. Tudo fica mais intenso, e situações obscuras podem receber luz e,  como a verdade e a clareza para alguns pode ser problema;  para os que estão dentro de uma ética social e pessoal pode ser uma bênção para outros podem ser uma maldição.

Escorpião é intenso e portanto essa Lua cheia vem com essa força. A sexualidade também está bem acentuada nesta semana.

Outro assunto que acho importante apresentar são as questões políticas e sociais que podem,  assim como foi a semana passada, nos chamarem anda mais a atenção. Confusões e quedas-de-braço entre opositores podem ter consequenciais amargas. Atenção com isso é bom ficarmos mais atentos com as nossas atitudes junto ao coletivo, isso inclui a internet. Aproveitar essas energias para nos rever e organizar o que está dentro do coração e que tem que ser ajustado. Os sentimentos que pulsam no coração vem chamar a atenção essa semana.

Lua cheia vem com força. A sexualidade também está bem acentuada nesta semana.

Vamos ficar de olho

  • Nas atitudes das instituições governamentais no Brasil e índia;
  • Nos investimentos de curto prazo, principalmente cripto-moedas que podem ter avanços importantes;
  • Problemas nas questões de saúde publica;
  • Em pessoas publicas muito queridas;
  • Conflitos sociais.

Lua fora de curso:

  • das 09h41 as 13h18 do dia 26 em Libra;
  • das 09h32 as 12h42 do dia 28 em Escorpião;
  • das 10h27 as 13h15 do dia 30 em Sagitário.

Nestes períodos não compre produtos  de grande valia, se possível não fazer procedimentos cirúrgicos, não entre em debates. Bom para cuidar de si; aspectos psicológicos e mentais estão valorizados. Ótimo para iniciar campanhas publicitarias.

Fábio Del Porto é Tarólogo com ampla experiência e dedicação ao universo esotérico e espiritualista, com mais de 25 anos de experiência. Radialista, palestrante e produtor multimídia, com passagem pela Radio Vibe Mundial FM de S. Paulo; TV Web Cultura; entre outros meios de comunicação. Criador do “Arcano do dia” e do “Programa Revelações”.

Continue lendo
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Sociedade

Abará – Do tabuleiro da Baiana para o mundo

Publicado

em

Por

É um dos pratos da culinária baiana e como o acarajé também faz parte da comida ritual do candomblé.

O abará tem a mesma massa que o acarajé: a única diferença é que o abará é cozido, enquanto o acarajé é frito.

O preparo da massa é feito com feijão fradinho, que deve ser quebrado em um moinho em pedaços grandes e colocado de molho na água para soltar a casca. Após retirada toda a casca, passa-se novamente no moinho, desta vez deverá ficar uma massa bem fina. A essa massa acrescentam-se cebola ralada, um pouco de sal, duas colheres de dendê.

Quando for comida de ritual, coloca-se um pouco de pó de camarão, e, quando fizer parte da culinária baiana, colocam-se camarões secos previamente escaldados para tirar o sal, que podem ser moídos junto com o feijão, além de alguns inteiros.

Essa massa deve ser envolvida em pequenos pedaços de folha de bananeira, semelhante ao processo usado para fazer o acaçá, e deve ser cozido no vapor em banho-maria. É servido na própria folha.

Abalá

Ingredientes

  • 1 kilo de feijão fradinho demolhado por 1 noite
  • 100 gramas de camarão seco moído
  • 100 gramas de cebola ralada
  • 100 gramas de amendoim e castanha de caju torrados e moídos (fundo misto)]
  • 250 mililitros de azeite de dendê
  • ½ colher de chá de gengibre ralado
  • folhas de bananeira
WhatsApp Image 2021-06-14 at 11.01.07 (1)

Modo de preparo

Para fazer esta receita de abará passo a passo comece por lavar bem o feijão: coloque-o em uma vasilha grande com água, remexa e tire com uma peneira as cascas que se soltarem. Escorra o feijão e repita até a água sair limpa.

De seguida bata o feijão no moinho, para transformar em purê, e depois bata com uma colher de pau, para ficar leve e volumosa.

Dica: Também pode bater no liquidificador, adicionando um pouco de água. Acrescente o camarão moído, a cebola, o fundo misto e o gengibre. Misture, adicione azeite de dendê e envolva tudo para obter uma massa homogênea e amarela.

WhatsApp Image 2021-06-14 at 11.01.08

O passo seguinte do abará é passar as folhas de banana no fogo, para que fiquem mais flexíveis. Depois enrole porções da massa anterior nas folhas, como se fosse uma pamonha, e
coloque a cozinhe no vapor ou em banho-maria, por 40 minutos.

Dica: Se cozinhar o abará no vapor, cubra com aparas da folha da bananeira, que ajuda a reter o vapor e a deixar o abará mais úmido.

Após o passo anterior, seu abará está pronto! Sirva quente ou frio, puro ou acompanhado de molho de pimenta , camarão seco, caruru, vatapá, caruru e salada de tomate verde simples.

Bom apetite!

Fonte http://m.nossas-raizes.com/a-comida-dos-orixas/

Continue lendo

Copyright © 2021 DiBahia CNPJ: 41.275.067/0001-16