Conecte-se conosco

Sociedade

Aumento de Imposto: Pra que? Pra Quem?

Publicado

em

No município de Eunápolis, assim que a prefeita eleita assumiu o cargo de prefeita um de seus primeiros atos foi aumentar as alíquotas de impostos municipais através de decretos na cidade de Eunápolis, como por exemplo, o IPTU (Imposto Territorial Urbano), ITR e taxa de luz chegando no limite do teto que seria 24,27%. Em tese, esse reajuste corresponde ao Índice Geral de Preços (IGP) que ficou acumulado até o mês de novembro de 2020, índice esse que por sinal é muito acima da inflação medida pelo IPCA (Índice de Preços ao consumidor Amplo). Em dezembro de 2020, o IGP acumulado ficou em 23,08% uma diferença de 1,19%. Porém a prefeitura de Eunápolis reajustou em 24,27%, uma diferença que a olho nu, pode ser pouca, mas pesa no bolso do cidadão pagador de imposto. Porém houve uma decisão do STF (Supremo Tribunal Federal), órgão maior do poder judiciário brasileiro, onde os municípios seriam proibidos de aumentar o valor do IPTU por meio de decreto.

Percebemos que, tal fato foi descumprido pela prefeita e que tal aumento pode e deve ser questionado pela população, uma vez que, em uma pandemia, onde há um número grande de desemprego na região, onde vivemos em tempos de superlotação de UTI’s e com isso somos cada vez mais prejudicados por conta desses aumentos, sendo que se o teto máximo permitido por lei era de 23,08% a prefeita poderia ter feito um calculo simples e tirar uma média e assim cobrar os impostos municipais, há quem diga que Eunápolis vive de comércio e que esses impostos são necessários para a arrecadação da prefeitura, mas, até onde é necessário? É necessário mesmo “tirar” dinheiro do povo com todo esse aumento? Os cidadãos de bem que pagam seus impostos em dia se sentem lesados e muitos já fecharam o comércio após esse decreto, não só por conta da pandemia, também pelas altas taxas de impostos que são cobrados aqui. Três meses após esse decreto, a prefeitura continua arrecadando milhares de dinheiro, como o previsto, mas e a população, como está? É necessário fazer essa reflexão, e lutar para que, esses abusos diminuam e que haja de fato, um valor justo, para que ninguém seja prejudicado.

Se há uma queda brusca nas vendas do comércio, pode se dizer que se essas vendas continuarem baixas comerciantes podem fechar suas portas por conta de tal aumento e a pergunta que fica é: por que esse aumento tão grande? Se ela foi eleita para governar para o povo, em tese, deveria facilitar a vida do povo, e não enriquecer algo que já é rica por natureza, a prefeitura, pois o antigo prefeito deixou saldo positivo para que a mesma governasse. Será que a decisão recente dela de não fechar o comércio é pelo motivo de que ela perderia a arrecadação ou ela realmente pensa no negócio local, nos comerciantes e na população? Não se deve afirmar nem que sim, nem que não, mas há de se questionar as atitudes. Até porque é um dever do cidadão, é um dever seu como pagador de imposto. Meu conselho é que questionem sempre qualquer coisa que os políticos fizerem. Cobrem e questione os atos que são feitos por essas pessoas. Só assim podemos ter uma administração mais limpa e mais justa.

Estudande de Direito, amante de Política, Direito e Livros. Coordenador Local do Students For Liberty Brasil.

Continue lendo
Propaganda
1 Comentário

1 Comentário

  1. Nadson

    25 de Março, 2021 at 12:19

    Muito bom
    Um jornal que vem com um objetivo de trazer luz para nós cidadãos e eunapolitanos.
    Excelente matéria.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Sociedade

Disputa pela marca Legião Urbana acontece nesta terça 22

Publicado

em

Por

Voiced by Amazon Polly

 O STJ Superior Tribunal de Justiça retoma nesta terça 22 o julgamento do uso da marca Legião Urbana. o imbróglio judicial envolve Marcelo bonfá é dado villa-lobos integrantes da banda contra a empresa Legião Urbana Produções administrada por Giuliano Manfredini filho de Renato Russo.

Na manhã de hoje o cantor André Frateschi fez um post em seu Instagram em solidariedade aos integrantes e fãs da banda.é ” hoje tem o fechamento desse julgamento que vai decidir se Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá são eles mesmos; não há outra possibilidade estamos juntos escrever Frateschi que ocupou os vocais na banda nas recentes turnês com os integrantes da legião originais. Dado Villa-Lobos republicou em seu perfil tanto no perfil de Frateschi; fãs da banda deixaram mensagens de apoio ao grupo.

Continue lendo

Copyright © 2021 DiBahia CNPJ: 41.275.067/0001-16